Ciclo de Outono Montemor-o-Novo

Ciclo de Outono - Nota de Imprensa n.º2

Em Montemor-o-Novo:
Orquestra Típica Nacional da Venezuela no Ciclo de Outono

Está a decorrer em Montemor-o-Novo mais uma edição do Ciclo de Outono, um ciclo de música, a ter lugar em diversos espaços da cidade e que já conquistou os Montemorenses e alguns forasteiros.

Esta quinta-feira, dia 23 de Outubro, pelas 21h30, o Ciclo de Outono recebe no Cine-Teatro Curvo Semedo, a Orquestra Típica Nacional da Venezuela, num concerto que tem o apoio do Ministério da Cultura do Governo Venezuelano. Com entradas gratuitas, estas é uma das iniciativas da programação em que a Câmara Municipal de Montemor-o-Novo mais aposta.
Criada em 1953 por Luis Felipe Ramón e Rivera, a Orquestra Típica Nacional da Venezuela é um colectivo artístico que foi fundado com a finalidade de promover a recolha e a difusão da música popular e folclórica do país.

A Orquestra Típica Nacional tem uma dotação instrumental que liga na perfeição o sinfónico com o típico. Assim, integra na secção de cordas, o cuatro e a mandolina, com os violinos e o violoncelo, e incorpora a flauta, clarinete e oboé, ao mesmo tempo que as maracas, mandolas e guitarras, garantindo a “cor” característica do crioulo nas suas execuções.
O conjunto conta com uma recompilação de mais de mil composições populares urbanas e áreas folclóricas, todas cuidadosamente orquestradas para conservar os elementos fundamentais dos seus originais. Oferece um variado reportório que evidencia a sua versatilidade, ao interpretar as diferentes formas rítmicas do cancioneiro venezuelano, provenientes e representativas das distintas zonas do país.

Ainda esta semana, no âmbito do Ciclo de Outono, sexta-feira, dia 24 de Outubro, na Sala Multiusos do Centro Juvenil, igualmente com entradas gratuitas, iremos ter o Trio Jacob.
Este é um novo projecto de fusão do mundo, integrando música indiana, árabe com a música andaluz e a música norte-europeia. O Trio Jacob é composto por: Carmen Rodriguez (Cítara, Voz), Andreu Jacob (Percurssões, Tablas, Kali- Sound) e Ulf Ding (Piano). Entre o erudito e o jazz… um espectáculo único de música e imagem!

Sem comentários: