X Feira do pão e Doçaria - 3,4,5 de maio 2013

10.ª Feira do Pão e Doçaria em Montemor-o-Novo…

Três dias de animação e degustação

O primeiro fim-de-semana de Maio traz uma proposta, diga-se irrecusável, de uma ida até Montemor-o-Novo. Dias 3, 4 e 5 de Maio, o Parque de Exposições da Cidade é cenário para a 10.ª Feira do Pão e da Doçaria que, durante 3 dias, fará de Montemor a cidade mais doce do Alentejo.

Esta edição conta com a participação de expositores, na área da Padaria, Pastelaria, Doçaria Conventual e Regional, licores, compotas, mel, vinhos, entre outros produtos, do concelho de Montemor, mas também de outros pontos do países (Borba, Viana do Alentejo, Vidigueira, Alcobaça, Odivelas, Benavente, Alcáçovas, Estremoz, Santiago do Cacém, Alcácer do Sal, Torres Novas, Mafra, Arraiolos, Caldas da Rainha, Aldeias
de Montoito, Reguengos de Monsaraz, Aveiro, Lisboa e Elvas). Note-se a participação crescente destes expositores que, em 2013, fazem desta edição a maior de sempre.

Uma das novidades da 10.ª Feira do Pão e Doçaria de Montemor-o-Novo é a presença de 3 restaurantes (Restaurante A Bancada, Restaurante Fonte de Patalim e Snack-bar A Torre), que aceitaram o desafio de fazer pratos elaborados à base de pão.

Também a entrada no Pavilhão de Exposições será diferente das edições anteriores, pois far-se-á através de um tenda, onde os visitantes encontram uma exposição de artesanato.

No evento também pode contar com o Espaço “O Pão de Montemor”, uma exposição com venda de pão do concelho, bem como com a simpática presença de Associações do concelho (Associação de Artesãos "A Ciranda", Associação Patolas e Patinhas e Casa João Cidade).

Num programa a saborear sem pressas, guarde ainda tempo para apreciar a exposição “Usos e Costumes à volta do Pão”.

Durante 3 dias, com entradas gratuitas, para além de saciar o apetite com o pão e a doçaria conventual, entre dois dedos de conversa, pode também apreciar a animação musical.

Na sexta-feira, 3 de maio, às 21h30, Grupo Ribatejano traz as influências musicais do Ribatejo, interpretando temas ribatejanos mas também temas bem dispostos e alegres da música tradicional. No sábado, 4 de maio, às 15h00 e 21h30, terá a oportunidade de apreciar o Grupo de Cavaquinhos de Arpia (Alverca do Ribatejo). No domingo, 5 de maio (último dia do certame), pelas 15h00, deixe-se envolver pelas Vozes do Imaginário, de Évora, um coro de vozes femininas, que se dedica ao vasto repertório
das polifonias tradicionais portuguesas para vozes femininas. O legado de Michel Giacometti e F. Lopes Graça é o elemento departida desta revisita à tradição musical portuguesa, englobando desde as polifonias femininas do Minho até às modas de trabalho do Alentejo, canções de romaria das Beiras, cantos das festas natalícias do Minho ao Algarve e ainda canções de José Afonso.

Venha até Montemor-o-Novo…esperamos por si!!!

Sem comentários: